maio 19, 2024

012 News | A Notícia a Um Clique de Você.

O conceito da 012 News é informar e entreter nossos telespectadores e ouvinte.

Inundações históricas deixam mortos em Nova York e Nova Jersey

inundações-eua-capa
Foto: Reprodução/ Thomas P Costello/ Reuters

Inundações causaram a morte de pelo menos nove pessoas, arrastaram carros, submergiram linhas do metrô e impediram voos nos estados norte-americanos de Nova York e Nova Jersey, enquanto os resquícios do Furacão Ida provocavam chuvas torrenciais na área.

O prefeito de Nova York, Bill de Blasio, descreveu as inundações e o clima como um “evento histórico sobre o clima”. E o Serviço Nacional do Clima emitiu um alerta de emergência de inundação e raios para a cidade de Nova York pela primeira vez.

Os esforços de recuperação para reativar os sistemas de transporte, que atendem a milhões de moradores da área metropolitana densamente habitada, já estavam em andamento na última quinta-feira (2).

Crise no transporte

A governadora do estado de Nova York, Kathy Hochul, pediu aos usuários do transporte interurbano que ficassem em casa. Pediu também paciência para um restabelecimento completo dos trens, depois que o serviço foi suspenso na maior parte da área, deixando muitos ilhados de madrugada.

A tempestade provocou taxas de chuva extremas, de 5 a 7,6 centímetros por hora, ao longo do corredor que vai da Filadélfia à cidade de Nova York, informou o Serviço Nacional do Clima.

O metrô de Nova York continuava “extremamente limitado” na manhã de hoje, disse a Agência Metropolitana de Trânsito (MTA). O Serviço Ferroviário de Long Island, também da MTA, já restabeleceu a maior parte dos terminais.

Efeitos devastadores

Pelo menos uma pessoa morreu na inundação em Passaic, uma cidade de Nova Jersey, informou o prefeito Hector Lora. A rede NBC, de Nova York, noticiou mais oito vítimas. Uma pessoa morreu em Nova Jersey e sete na cidade de Nova York, incluindo um menino de dois anos.

A mídia local relatou que pessoas ficaram presas nos sótãos, porque a tempestade fez a água subir por toda a metrópole. Os governadores de Nova York e Nova Jersey declararam estado de emergência ontem à noite.

Todos os veículos não emergenciais foram proibidos nas ruas de Nova York até a tarde da última quinta-feira, devido ao clima, disseram autoridades municipais.

*Com informações da Agência Brasil.