maio 19, 2024

012 News | A Notícia a Um Clique de Você.

O conceito da 012 News é informar e entreter nossos telespectadores e ouvinte.

Inscrições do Bolsa Trabalho em Caraguatatuba vão até amanhã (30)

inscrições do bolsa trabalho - capa
Foto: Reprodução/ Prefeitura Municipal de Caraguatatuba

As inscrições do Bolsa Trabalho, programa do governo estadual, acabam na próxima segunda-feira (30). Os selecionados em uma das 40 vagas de emprego ofertadas receberão bolsas no valor de R$ 535, durante cinco meses.

As atividades de trabalho serão em órgãos públicos, com carga horária de quatro horas por dia, durante cinco dias da semana. Além disso, os participantes participarão de curso de qualificação profissional e receberão apoio à empregabilidade, por meio do Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT).

Inscrições

As inscrições ocorrem somente por este site. Quem não tiver acesso à internet ou encontrar dificuldades, pode procurar o PAT de Caraguatatuba, que uma equipe está à disposição para auxiliar a população.

Os interessados podem procurar o local das 8h às 12h, na Rua Taubaté, 520 – Sumaré, munidos de RG, comprovante de endereço e Carteira de Trabalho.

Podem se inscrever moradores de Caraguatatuba, desempregados, maiores de 18 anos e com renda familiar de até R$ 550 por pessoa. A seleção será até o dia 4 de setembro e a convocação ocorrerá por meio de publicação no Diário Oficial.

Os inscritos poderão escolher seis opções de cursos profissionalizantes virtuais da Univesp (Universidade Virtual do Estado de São Paulo), com duração de 80 horas.

As áreas disponíveis são de Auxiliar de Controle de Produção e Estoque, Gestão Administrativa, Gestão de Pessoas, Organização de Eventos, Rotinas e Serviços Administrativos e Secretariado e Recepção.

Sobre o Bolsa Trabalho

O Bolsa Trabalho tem como objetivo gerar renda, ocupação, qualificação e empregabilidade para as pessoas em situação de vulnerabilidade social.

A iniciativa do Governo de São Paulo pretende promover a retomada de emprego e renda. Além de impactar direta e indiretamente cerca de 120 mil pessoas apenas em 2021.

Os cidadãos inscritos serão selecionados conforme parâmetros do questionário socioeconômico. Há prioridade para mulheres arrimo de família, maiores encargos familiares, tempo de desemprego e maior idade.

Com a promulgação da Lei nº 17.372, de 26 de maio de 2021, o Programa Emergencial de Auxílio-Desemprego passou a integrar o programa Bolsa do Povo denominado Bolsa-Trabalho.

Ele concentra a gestão dos benefícios, ações e projetos, com ou sem transferência de renda, instituídos para atendimento de pessoas em situação de vulnerabilidade social no estado de São Paulo.