março 4, 2024

012 News | A Notícia a Um Clique de Você.

O conceito da 012 News é informar e entreter nossos telespectadores e ouvinte.

Brasil estreia com goleada na Copa do Mundo de Futsal

Foto: CBF

O massacre por 9 a 1 sobre o Vietnã, nessa segunda-feira (13), foi o cartão de visitas de um Brasil que disputa a Copa do Mundo de futsal masculino, na Lituânia, com dois objetivos claros. O primeiro, deixar a decepção de 2016 (pior campanha da seleção na história, eliminada pelo Irã nas oitavas de final) para trás e retomar a coroa da modalidade, conquistada pela última vez em 2012. O segundo é o escrete buscar o oitavo título mundial, sendo o sexto desde que a Federação Internacional de Futebol (Fifa) assumiu a competição, em 1989.

Rodrigo, capitão da seleção, é um dos mais experientes do grupo. Do atual elenco, ele e o goleiro Guitta estiveram no título de 2012, conquistado na Tailândia. Na ocasião, o Brasil derrotou a Espanha por 3 a 2, na prorrogação. O craque Falcão, que se aposentou das quadras em 2018, fez parte daquela seleção e brilhou na partida considerada a mais marcante da campanha.

Além de Rodrigo e Guitta, o ala Dyego e o pivô Dieguinho também têm rodagem em Copa do Mundo, integrando o elenco de 2016. Os outros 12 jogadores convocados pelo técnico Marquinhos Xavier disputam a competição pela primeira vez.

De fato, o elenco é mesclado, com oito atletas no futsal europeu e oito em equipes da LNF (Liga Nacional de Futsal). Um dos jogadores em atividade no país é Dieguinho, que defende o Joinville, mas já competiu nas ligas russa (Dínamo Moscou, onde foi campeão mundial em 2013) e portuguesa (Sporting, pelo qual venceu a Liga dos Campeões em 2019).

A seleção brasileira volta á quadra na quinta-feira (16), às 14h, novamente em Klaipeda. O adversário é a República Tcheca.